quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

[correntes 2009] a maria teresa

sempre que falo com a maria teresa horta, há qualquer coisa no tempo que pára, como se fosse possível pairar sobre todo o conhecimento do mundo. ao pequeno-almoço, fiquei a conversar com ela sobre livros e paixões. eu fiquei estarrecido e encantado, com os lugares onde as palavras dela me levam. acho que a isso se chama aprender.

Sem comentários:

Enviar um comentário