quinta-feira, 18 de setembro de 2008

ainda sobre a poesia

e depois um dia alguém se senta à mesa connosco e dá-nos uma opinião. e essa opinião ameaça fazer ruir um universo. seguramo-nos como podemos, ajeitamos a camisa, saímos à rua a sentir o vento na barba. um dia, alguém. e nós fazemos disso um poema.

Sem comentários:

Enviar um comentário