segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Aconselha-se uma visita (de olhos abertos) a uma livraria perto de si

Eu não sei se devo encarar isto como uma deriva de idiotice (da qual ninguém está livre) ou se como uma declaração de guerra.

"Muito do lixo que se publica agora vem de pequenas e médias editoras que compram romances de capa multicolor embaciada para dar um ar romântico ou moderno e que ocupam todo o espaço de exposição das livrarias."
José Pacheco Pereira, Sábado, p. 9.

Mas só para que fique claro:
- a moda das capas multicolores, coisa que felizmente se vê cada vez menos (porque ao dizer multicolor eu lembro-me sempre das tentativas mais chocantes que se experimentaram no mercado editorial), foram introduzidas em Portugal pela Oficina do Livro (se bem me lembro), e reproduzidas pela Dom Quixote, Presença e Asa. Todas elas pequenas editoras.
- Ocupar todo o espaço de exposição das livrarias pode ser um sonho de qualquer pequena ou média editora. Mas, meus amigos, quem ocupa o espaço, hoje em dia?

2 comentários:

  1. "Idiotice" e "Pacheco Pereira" na mesma frase é redundância.

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente. As grandes editoras monopolizam o mercado livreiro e ainda por cima monopolizam-no mal, muito mal. De facto, é importante visitar uma livraria de olhos abertos!

    ResponderEliminar