sexta-feira, 10 de março de 2006

punk rock song

you go PORN!

e eras capaz de ter visto o mesmo filme que eu naquela tarde quando saímos do liceu tinhas quantos dezasseis dezassete anos e usavas mini-saia chupavas lolipop's éramos os mais giros da turma e curtíamos ficar lá atrás das mesas todas quando o professor se virava de costas e nós dávamos chochos uns nos outros eu tu o manel a lilica e eras capaz eras

but now, still

PORNográfico tácito quimérico augusto simétrico cimento arromba a rumba desadaptada emigrada fechada conquistada arrumada a um canto e eras capaz de ter visto o mesmo filme sentada na mesa da sala dvd player on e umas quantas cervejas caídas as garrafas pelo chão qual o nome dele joão? uma coisa assim talvez ainda te lembres o mesmo filme o mesmo filme não era era

you go PORN

eu queria ainda dizer-te qualquer coisa de lamechas como nas cartas que te deixei quando fui para a faculdade e tu ficaste a fumar charros à porta do mesmo café onde eu te comi na casa-de-banho umas quantas vezes depois do manel te ter feito o mesmo e à joana mas eu queria lá saber eu andava por lá de empréstimo foi o que nunca percebi e por isso quando chegava a casa era capaz de pentear o cabelo no elevador nunca te disse mas era era

still still

quantas vezes viste esse mesmo filme e pensaste que era a mim que tu amavas a mim o mesmo tipo que agora te passa ao lado do ombro e tu não percebes falas de sério e tratas por você e ele treme tremo eu sou eu e tu quantas vezes já viste o mesmo filme aquele mesmo filme do dia em que saímos do liceu e depois éramos quantos éramos só tu e eu era capaz de ser era

Sem comentários:

Enviar um comentário